tendências tecnologicas para 2021

9 tendências tecnológicas para 2021 segundo o GARTNER

Compartilhe:

Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print

O Gartner é uma empresa norte americana de consultoria e pesquisas para o mercado de tecnologia, fundada na década de 70. Com consultores atuando em diversos países a companhia desenvolve uma série de trabalhos e relatórios com objetivo de criar conhecimento para a área de tecnologia da informação e descobrir tendências tecnológicas.

Seus relatórios são acompanhados por empresas de todos os setores ao redor do globo que buscam por inovação e transformação digital. Em especial, o relatório mais aguardado é o “Top Strategic Technology Trends”, elaborado anualmente com as tendências tecnológicas para o ano que se inicia.

No relatório deste ano, 9 tendências foram apresentadas, são elas:

 

#1 Internet of Behaviors (IoB):

Tendência tecnológica que diz respeito a utilização de dados para influenciar o comportamento humano. Com o aumento das tecnologias disponíveis, milhares de dados são produzidos diariamente por seus usuários, o dilema desta tecnologia é fazer com que seu uso aconteça de forma ética.

Um exemplo, seria uma companhia de seguros de vida monitorar a quantidade de atividades físicas realizadas por seus segurados via aplicativos de smartphone ou smartwatch, como forma de reduzir ou agravar o valor pago pelo seguro.

 

#2 Total Experience (TX):

Transformação dos negócios por meio da combinação da experiência do consumidor, experiência do colaborador e experiência do usuário. O objetivo é melhorar a experiência geral de todos que tem interação com a empresa.

Um exemplo, seria uma loja que durante a pandemia disponibiliza para seus clientes um sistema de agendamento de visitas. Ao se aproximar da loja o cliente recebe uma notificação informando se já pode entrar ou não e informações para sua segurança durante a visita. Além disso, os colaboradores são avisados quando esse cliente se aproxima da localização.

 

#3 Privacy-enhancing computation:

Considerando as mudanças de legislação que vem ocorrendo em todo o mundo com o objetivo de garantir privacidade aos usuários, a tecnologia que busca proteger dados é uma grande tendência.

Mais especificamente, Privacy-enhancing computation diz respeito a três tipos de tecnologia: A que propicia ambiente seguro para processamento de dados sensíveis, a que processa e analisa dados de forma descentralizada e, por fim, a que encripta dados e algoritimos antes de processar análises.

 

>> QUER SABER COMO A VIAFLOW PODE TE AJUDAR A PROTEGER SEUS DADOS? CLIQUE AQUI!

 

#4 Distributed cloud:

Diz respeito a distribuição de serviços em nuvem para diferentes localidades físicas, mas onde a operação e governança se mantém como responsabilidade do provedor da nuvem.

Essa distribuição fornece um ambiente mais ágil para cenários organizacionais com baixa latência e necessidades de redução de custos de dados.

 

>> SUA EMPRESA AINDA NÃO USA ARMAZENAMENTO EM NUVEM? A GENTE TE AJUDA! 

 

#5 Anywhere Operations:

É um modelo que tem se tornado cada dia mais necessário, considerando o cenário atual. Nesse modelo, as empresas oferecem suporte aos clientes em qualquer localização e seus funcionários acessam seus recursos onde estiverem, permitindo que a operação ocorra de forma 100% remota.

Um exemplo claro disso são os bancos 100% digitais.

 

#6 Cybersecurity mesh:

A malha de segurança cibernética é uma abordagem que garante o acesso e uso seguro de aplicações baseada em computação em nuvem e dados distribuídos de dispositivos não controlados.

Esta tecnologia, permite que qualquer pessoa acesse dados de qualquer lugar, com segurança.

 

#7 Intelligent composable business:

São os negócios que se adaptam e se rearranjam de acordo com a situação que se apresenta. Para isso as empresas precisam ter acesso a dados e informações de forma rápida e fácil, sendo capazes de tomar decisões aceleradas a medida que as mudanças acontecem.

Essas empresas também precisam dar a seus funcionários autonomia, para responder de forma rápida as dificuldades.

 

#8 AI engineering:

Projetos de inteligência artificial comumente encontram problemas para se manter ou ter escalabilidade e governança. Por isso as estratégias de IA precisam ser robustas e sólidas e facilitar performance, escalabilidade e confiabilidade do modelo.

A engenharia de IA torna os projetos de inteligência artificial uma parte rotineira dos processos de DevOps e não mais uma iniciativa isolada. O que permite maior governança e gerenciamento do ciclo de vida da inteligência.

 

>> INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL NÃO É MAIS O FUTURO, É O PRESENTE! FALE COM A GENTE E DESCUBRA COMO VOCÊ PODE UTILIZÁ-LA NA SUA EMPRESA! 

 

#9 Hiperautomação:

Automação é a combinação de tecnologias, como inteligência artificial, e conhecimentos que possibilitam automatizar os processos e fluxos de trabalho manuais, tornando o modelo de negócio mais ágil, eficaz e reduzindo custos de operação.

Na abordagem da hiperautomação, a empresa utiliza a automação no máximo de processos possíveis de negócios e tecnologia. No cenário atual onde muitas empresas tem se tornado “digital first” a automatização se torna essencial para o andamento das operações.

 

>> QUER TRAZER SUA EMPRESA PARA O PRÓXIMO NÍVEL E AUTOMATIZAR SEUS PROCESSOS? FALA COM A GENTE! 

 

Para baixar o documento original com as tendências tecnológicas de 2021, elaborado pelo Gartner, na integra, clique aqui.

Viaflow

Viaflow

Consultoria focada na aproximação da tecnologia com os negócios e as pessoas, visando inovação, automação e transformação.
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print